sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Não gosto do morno. Não gosto do poucochinho. Não gosto do assim assim. Não gosto daquilo que os outros chamam normal. Gosto de tudo. Quero tudo. Quero muito. Emoções. Acções. Sentimentos. Elevações. 
Gosto quando sinto a vida. A vida toda por completo.